26 de janeiro de 2020, Boa tarde!
Buscar
                     

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

TRATAMENTOS COMPLEMENTARES


Medicina Fetal

Amniocentese

A retirada de uma pequena quantidade do liquido amniótico através de uma agulha especial, direcionada pela ultrassonografia. Este exame é realizado preferencialmente entre a 16ª e a 18ª semana de gravidez nos casos onde o risco calculado para uma cromossomopatia é elevado.

Também é realizada nos casos onde o feto apresenta alguma má-formação suspeitada pela ultra-sonografia. No caso de má-formação do feto, a amniocentese deve ser realizada no período da gravidez em que foi feito o diagnóstico.

O material é levado para o laboratório de genética para que o estudo genético do feto possa ser realizado.

Cordocentese

É uma técnica que consiste na introdução de uma agulha no cordão umbilical, com o auxilio da ultrassonografia, para a retirada de uma amostra do sangue fetal. Esta técnica permite não somente a diagnóstico citogenético como também a dosagem de qualquer substância no sangue fetal, estudo de infecções no feto, anemia, transfusões sanguíneas dentro do útero e tratamento do feto com medicamentos em casos específicos.

Biopsia de vilosidade corial

É a retirada de uma amostra do tecido placentária através do uma agulha especial, direcionada pela ultracenografia.

Este exame é realizado entre a 10ª e a 14ª semana de gravidez nos casos onde o risco calculado para uma cromossomopatia é elevado. O material é levado para o laboratório de genética para que o estudo genético do feto possa ser realizado.