Publicado em 03 de Outubro de 2018

QUANDO TER RELAÇÕES SEXUAIS PARA ENGRAVIDAR?

Uma das perguntas mais frequentes na consulta de infertilidade é “Quando devemos ter relação sexual para engravidar?”


QUANDO TER RELAÇÕES SEXUAIS PARA ENGRAVIDAR?

 

Uma das perguntas mais frequentes na consulta de infertilidade é “Quando devemos ter relação sexual para engravidar?”

Na verdade, embora não seja a resposta ideal, não conhecemos o nosso corpo e a nossa fertilidade. São comuns relatos como este: “…estamos há um ano tentando e não conseguimos, acho que não estamos tendo relação no meu período fértil…”, isso pode reduzir a chance de você ficar grávida.

 

COMO SABER SE VOCÊ ESTÁ OVULANDO?

 

Um dos problemas de você não conhecer o seu corpo é a questão da ovulação.

O desejo e a ansiedade de determinar a qualquer custo o momento do futuro onde vai ocorrer a ovulação para determinar o “período fértil”, onde a sua relações sexuais deveriam ser intensificadas é um fato comum entre os casais tentantes.

Infelizmente, a informação mais segura se refere ao passado!

Se você menstrua com uma freqüência regular, você é uma mulher que ovula regularmente, e a ovulação ocorreu 14 dias antes do primeiro dia da sua menstruação, mas, infelizmente, a menstruação além de associar à ovulação passada, indica o insucesso!

Assim, você conhece vários artifícios que fazem a mulher tentar escutar o seu corpo como o aumento do desejo sexual, presença de muco filante e transparente, presença de dor ou desconforto na barriga, o aumento discreto da temperatura corporal, etc.

Seria maravilhoso se você pudesse conhecer o seu corpo a ponto de saber exatamente quando estaria ovulando!

Mas nem todas as mulheres e, muito menos a todo mês, a mulher vai ter os sinais ou até mesmo repetidos de forma padronizada. Inclusive, um grande número de mulheres não os tem!

Atualmente, é comum incluir nesse arsenal a tecnologia. O uso de aplicativos móveis para saber o momento mais fértil, uso de tiras compradas em farmácias para predizer a ovulação, calculadores estão cada ver mais frequentes e estão mecanizando ou compromissando a sua vida sexual e os seu relacionamento.

A melhor maneira para entender o comportamento do seu corpo é simples!

Faça uma média da duração do seu ciclo menstrual. Conte o número de dias que ocorrem entre o primeiro dia da menstruação e o início do ciclo seguinte. Faça isso por 3-6 meses ou conte dos ciclos anteriores e divida pelo número de meses.

Assim, você terá a média de dias do seu ciclo menstrual e a ovulação tem seu período provável na metade desse valor encontrado com variação de 3 dias antes e 3 dia após! Esse seria o período de maior probabilidade de encontrar o período fértil e, consequentemente, onde as relações sexuais irão te expor ao risco maior de engravidar.

 

 

 

QUANTAS VEZES TENHO QUE TER RELAÇÕES SEXUAIS NO MEU PERÍODO FERTIL?

 

Pois bem, se você tem ciclos regulares e fez a sua projeção como explicado acima e já sabe o período fértil, fique atenta e entenda que não é necessário tantas relações sexuais! Isso porque em média, o espermatozóide se manterá vivo no seu corpo por aproximadamente 3 dias, assim não há necessidade da agonia nesse período. Relaxe!

É importante dizer isso porque não é infrequente encontrar casais que se vêem obrigados a manter relações sexuais, por vezes sem vontade, diariamente e mês após mês o que não é nada agradável para o casal!

O sexo é uma parcela importantíssima do processo e da relação do casal. A obrigatoriedade compromete o sexo e individualmente pode acabar como um problema de relação entre os casais.

Pro outro lado, se você não tem ciclos regulares e é difícil fazer a sua média de dias do seu ciclo menstrual, a melhor estratégia e manter uma freqüência sexual de 2 vezes por semana, que, com certeza estará coberto o seu período fértil sem a referida obrigatoriedade!!

 

QUANTO DIAS DE ABSTINÊNCIA MEU MARIDO DEVE TER?

 

Existe um mito que diz que o melhor são 7 dias de abstinência ou quanto mais melhor! Isso é errado!!

É exatamente ao contrário! Quanto maior a abstinência é provável que haverá um suposto aumento no número de espermatozóides, mas a qualidade se deteriora!  Promove o aumento o número de espermatozóides mortos, compromete a movimentação e principalmente fragmenta o DNA dos espermatozóides, que, na verdade, é o que vai fertilizar o seu óvulo! A longa espera dos espermatozóides pode aumentar a exposição deles a altas temperaturas, álcool, estresse e ambientes tóxicos, etc.

Assim, de 2 à 3 dias de abstinência é o suficiente.

 

EXEMPLO PRÁTICO:

 

Se você já determinou que a média de dias do seu ciclo é de 28 dias, temos que ter um pouco mais de atenção ao calendário!

Como o ciclo é de 28 dias, provavelmente a ovulação ocorrerá na metade do ciclo, próximo 14º dia do ciclo menstrual!

Assim, o 11º, 13º, 15º e 17º dias do ciclo menstrual seriam os dias de maior risco para engravidar ( início 3 dias antes (11º dia) e o fim 3 dias depois (17º dia). Também é importante que no 11º dia do ciclo o seu marido não tenha mais que 3-4 dias de abstinência sexual.

Se não há nenhum outro problema com vocês, como problema no sêmen, problema hormonal, nas trompas, etc, em 1 ano vocês tem aproximadamente 80% de chance de conseguir a gestação se você tem menos de 35 anos. Caso você tenha mais de 35 anos, o prazo para você procurar um especialista é de 6 meses.

Por fim, hoje um dos principais empecilhos para a fertilidade envolvem o dia a dia de vocês. O cansaço físico, o esgotamento emocional, a obrigatoriedade e compromisso da fertilidade.

Sendo assim relaxe! Descanse mais, se conheça mais, vivam mais por vocês e pelo baby que está por vir!

 

Bons treinamentos e boa fertilidade para vocês!